18 junho 2013

Resenha: O Céu Está Em Todo Lugar

Olá, pessoal!
Hoje venho com uma nova resenha para vocês. É de um livro incrível, na qual adorei e espero que também gostem.

Jandy Nelson
Editora: Novo Conceito
Páginas: 424
Nota: ♥♥♥♥♥ 

Sinopse: Este é um livro de estreia vibrante, profundamente romântico e imperdível. Lennie Walker, de dezessete anos de idade, gasta seu tempo de forma segura e feliz às sombras de sua irmã mais velha, Bailey. Mas quando Bailey morre abruptamente, Lennie é catapultada para o centro do palco de sua própria vida - e, apesar de sua inexistente história com os meninos, inesperadamente se encontra lutando para equilibrar dois. Toby era o namorado de Bailey, cujos sentimentos de tristeza Lennie também sente. Joe é o garoto novo da cidade, com um sorriso quase mágico. Um garoto a tira da tristeza, o outro se consola com ela. Mas os dois não podem colidir sem que o mundo de Lennie exploda...
 "Eu deveria estar de luto, não me apaixonando..." 

“Anos atrás estava deitada no jardim da vovó e Big perguntou o que eu estava fazendo. Disse-lhe que olhava para o céu. Ele respondeu – Essa é uma concepção errada, Lennie, o céu está em todo lugar, começa aqui, aos nossos pés.” 
Resenha: Resolvi ler esse livro meio do nada como sempre faço e simplesmente adorei essa estória, na qual é muito fascinante. E não é a toa que foi considerado o melhor romance em 2010, afinal é impossível não se apaixonar pela leitura e pelos personagens. A narrativa é ótima e quando você menos percebe já está chegando ao fim. Os capítulos são divididos com páginas com o fundo do céu estampado e também há algumas páginas impressas que mostram os poemas e algumas conversas na qual Lennie escreve para sua irmã e deixam espalhados e escondidos por ai. Isso é bem legal, pois são os seus pensamentos e sentimentos mais íntimos que gostaria de compartilhar com Bailey. Enfim, é um romance maravilhoso, pois destaca como é conviver com a morte de um ente querido diariamente e de como o primeiro amor é algo reconfortante. O que também gostei bastante é o fato de existem muitos trechos bacanas.


(Encontrado debaixo da escrivaninha de Joe, onde está até hoje)
(Encontrado debaixo da escrivaninha de Joe, onde está até hoje)
Lennie ou Jonh Lennon (apelido posto por Joe) é uma garota na qual por muito tempo viveu venerando sua irmã mais velha e agora tenta se recuperar de sua morte inesperada. Além disso, é uma talentosa clarinetista e algo bem interessante é que é uma leitora assídua do livro “O Morro Dos Ventos Uivantes”, e assim um dia espera sentir um amor igual ao dos personagens.

Viver de luto não é uma coisa fácil nem para ela e nem ninguém de sua família, principalmente para Tobby que namorava sua irmã. Assim ambos encontram um no outro um pouco de Bailey. Quando volta para a escola, conhece um lindo garoto, Joe Fontaine, um perfeito musicista que conquista qualquer um apenas com um sorriso e alguém que ajuda sua família a se recuperar do sofrimento de perda e trás a Lennie o amor que tanto queria. Mas no começo é algo difícil para si, pois acha que é um momento em que devia estar de luto e não se apaixonando. No entanto, Joe é quem trás um novo sentido a sua vida e a mostra a ser quem é realmente.

“Olho em seus olhos sem tristeza e uma porta em meu coração se escancara. E, quando nos beijamos, vejo que do outro lado da porta está o céu.”

Depois desses comentários preciso falar sobre a autora, na qual esse foi o seu primeiro romance escrito e acho que tem um talento nato para escrever, pois é dos livros mais legais em que já li. E comparar o amor ao céu tem um total sentido, pois podemos encontra-lo em todo lugar. Um livro cheio de drama, uma pitada de comédia e muito romance, acredito que o autor queria isso mesmo. Recomendo o livro a todos os romancistas que existem por ai.
“É ai que me dou conta.
Minha irmã vai morrer todos os dias, pelo resto da minha vida. A dor dura para sempre. Não desaparece nunca; torna-se parte de nós, a cada passo, a cada suspiro.”
(Encontrado em uma embalagem de pirulito, na trilha do Rain River.)
(Encontrado em uma embalagem de pirulito, na trilha do Rain River.)

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário nos deixará extremamente feliz, mas lembre-se: Tenha cuidado, as palavras tem poder.

- Não faça ofensas
- Não seja intolerante
- Não desrespeite a opinião alheia
- Se for divulgar, ao menos comente sobre o blog!

Não se esqueça de no final deixar o link do seu blog pra podermos retribuir, será um prazer.

Obrigada ♥
xoxo